Sérgio Cícero GELASSEN

“[…] Por mais estranho que possa parecer, o nome da rua era ‘Rua da Amargura’, e o número da casa era 666. Não raro, muitas pessoas ainda peregrinam até lá, por curiosidade, sentimento ou mesmo interesse.” (GELASSEN, 2000, p. 468)

Referência bibliográfica

GELASSEN, Sérgio C. O caminho do cachorro. São Paulo: Para São José, 2000. 470 p. (Col. Anos Em Fuga, 3).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: