Rosto sim: máscara não!

“[…]
Não perturbarás nenhum animal — irracional ou não.
Não comerás nenhum animal.
Nenhum animal será vosso escravo. Nenhum animal.
Nenhum animal será tua comida.
Nenhum animal será teu para qualquer prazer carnal.
Nenhum animal será utilizado para experimentos de qualquer natureza.

Obedeceste estas leis básicas? Elas são o fundamento de tudo o que deverás seguir. Feito isto, prossiga. Liberte os teus irmãozinhos menos favorecidos — os animais irracionais — e, dessa forma, liberte teus pensamentos. Tu vida. Teu coração. Tua alma — seja ela atéia, agnóstica ou não…

Está feito. Siga em Paz com o Universo. Qualquer que seja a tua (des)crença.”

Sérgio C. Gelassen, O Rosto de Ariosto

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: